Primeiro transplante hepático em doente COVID positivo




Realizou-se em Portugal o primeiro transplante hepático em doente COVID positivo, numa doente com falência hepática aguda, no Centro Hospitalar Universitário de Coimbra (CHUC).


Desde o início da pandemia de COVID19, tem havido um enorme esforço do Instituto Português do Sangue e da Transplantação e de toda a rede nacional de Coordenação de Colheita e Transplantação para dar resposta às necessidades dos doentes a aguardar transplante, com especial atenção às situações mais urgentes.


A decisão de transplantar esta doente fundamentou-se no grau de urgência e no conhecimento científico internacional disponível.


O transplante decorreu sem incidentes e só foi possível graças à inexcedível colaboração da Força Aérea Portuguesa, do INEM e da conjugação do esforço de diversos serviços do CHUC, dos quais se destaca o Serviço de Medicina Intensiva e o Centro de Referência de Transplantação Hepática de Adultos.


A doente encontra-se clinicamente estável e com boa evolução até à data.

15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

"A ADSE é hoje o maior e mais completo sistema voluntário de proteção na doença em Portugal. Este sistema acompanha os desafios gerais dos sistemas de saúde dos países de elevada renda: envelhecimento